Gestão de Pessoas: Por que investir em recrutamento e seleção de pessoas?

A área de Recursos Humanos tem se tornado, cada vez mais, estratégica para as empresas. Afinal, um dos maiores ativos empresariais são as pessoas e, por isso, é essencial contar com os melhores profissionais em seus quadros. Entenda como isso é possível e saiba o porquê investir em recrutamento e seleção é fundamental para o sucesso de sua empresa, independente do ramo em que ela atua.

O que é recrutamento e seleção de uma empresa?

O recrutamento e seleção de uma empresa é um conjunto de processos utilizados pela área de Recursos Humanos para atrair e selecionar os melhores profissionais do mercado, que tenham o perfil ideal para cada cargo e posição em aberto numa corporação.

Esse processo se divide em duas fases: a do recrutamento, onde basicamente, inicia-se a busca pelos candidatos à vaga; e a seleção, momento em que se analisa mais profundamente os conhecimentos, habilidades e experiências dos possíveis contratados. Essas atividades fazem parte da rotina dos RHs das empresas, sempre buscando os profissionais mais comprometidos e “aderentes” ao estilo do negócio.

Para que serve recrutamento e seleção?

O recrutamento e seleção, quando bem executados, se traduzem na escolha das profissionais certos para as posições corretas. Isso representa economia de tempo e dinheiro nos processos de contratações, além de diminuir o turnover (rotatividade) de funcionários.

Para que o processo de recrutamento e seleção seja bem-sucedido é preciso que os recrutadores considerem as competências técnicas, comportamentais e a experiência dos candidatos, cruzando os dados com as exigências da vaga em questão. Além disso, é fundamental levar em conta a cultura da empresa e verificar se o profissional poderia ser bem encaixado no contexto.

A ascensão do recrutamento e seleção por competências

Uma técnica que vem ganhando espaço no RH moderno é o recrutamento e seleção por competências. Esse conjunto de processos reduz, significativamente, as chances de erros em contratações, já que analisam o conjunto de competências, tendências comportamentais e conhecimentos técnicos dos candidatos.

O recrutamento e seleção por competência avalia, por meio de questionários, testes psicológicos, dinâmicas de grupo e entrevistas pessoais, características invisíveis do profissional, ou seja, aquelas que não aparecem no currículo e que, geralmente, nem a própria pessoa sabe que tem.

Quais são as principais etapas do processo de recrutamento e seleção?

As principais etapas do processo de recrutamento e seleção envolvem:

  • A necessidade de cargos atual da empresa;
  • A definição de quem irá realizar a busca e seleção de candidatos;
  • O orçamento para a tarefa;
  • O levantamento de competências necessárias;
  • O prazo para contratação;
  • O tipo de recrutamento que será utilizado (interno, externo ou misto);
  • A forma com que será feito (entrevistas, dinâmicas em grupo, testes…).

Como fazer um recrutamento e seleção eficaz?

Empresas de grande porte geralmente possuem uma área de RH mais robusta e, por isso, conseguem ter recursos suficientes para fazer um recrutamento e seleção eficaz. Já empresas menores não contam com a mesma capacidade, mas esse fator não é impeditivo para que possa ser feito um bom trabalho nessa área.

Uma ótima solução, nesses casos, é contar com uma ajuda externa, ou seja, uma consultoria em recrutamento e seleção. As empresas que atuam nesse setor possuem todo o conhecimento, as técnicas e o expertise necessários para otimizar os processos de seleção e contratação de funcionários.

Sua empresa realiza o recrutamento e seleção através de equipe própria ou terceiriza esse processo? Tem conseguido bons resultados? Conte para gente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *