Você sabe o que é e como avaliar o clima organizacional na empresa?

Uma empresa é formada, basicamente, pelas pessoas que nela trabalham. E, hoje em dia, passamos cada vez mais tempo nos nossos trabalhos. Muitas vezes, mais do que em nossas casas, com a família ou com amigos. Enquanto seres humanos, estamos sujeitos às mais diversas influências do ambiente e a variadas maneiras de reagir a determinadas situações.

Para o gestor de recursos humanos ou mesmo para o administrador do negócio, entender como andam as coisas em seus domínios é fundamental para o bom andamento da empresa. Por isso, é importante saber como avaliar o clima organizacional e saber como isso pode trazer inúmeros benefícios.

O que é clima organizacional na empresa?

O conjunto de sentimentos vivenciados pelos colaboradores, a percepção coletiva de que eles têm sobre a empresa, o ambiente em que estão inseridos e suas consequências para o ambiente de trabalho compõem o que é considerado o clima organizacional.

São diversas as variáveis que influenciam psicologicamente e formam o conceito de clima organizacional, como estrutura física, disponibilidade de equipamentos, modelo de gestão, relacionamento das lideranças com os liderados, estrutura de cargos, salários, bonificações, entre outras.

Quando os fatores estruturais são considerados positivos pelos colaboradores, é estabelecido um clima organizacional bom. Já quando a avaliação é negativa, um clima organizacional ruim é perceptivo. Nesse caso, entender porque isso acontece e tomar ações de correção são essenciais para a melhoria motivacional dos funcionários.

Como avaliar o clima organizacional na empresa?

Avaliar o clima organizacional nas empresas é importante porque esse fator influi diretamente no desempenho da empresa como um todo. A principal ferramenta para avaliação de clima é a pesquisa.

Uma pesquisa de clima organizacional deve ser feita, a cada seis meses ou uma vez ao ano. Em geral, ela é composta por questões sobre o ambiente de trabalho, que possibilitam avaliar os fatores determinantes da motivação do colaborador, e perguntas abertas, que permitem extrair informações qualitativas sobre a organização empresarial.

Não há uma metodologia específica, mas não se deve focar apenas nos números e nos índices obtidos. A avaliação do clima organizacional deve permitir que os empregados descrevam situações específicas, citem dificuldades e proponham sugestões de melhoria.

Como melhorar clima organizacional?

O trabalho não termina depois de coletados e tabulados os dados. É preciso transformar essas informações em um plano de ação, que deve ser executado de forma estratégica para alcançar os resultados propostos e melhorar clima organizacional.

Os indicadores de clima organizacional, extraídos da pesquisa, podem nortear investimentos em aquisição de equipamentos, melhoria na infraestrutura, remuneração dos colaboradores, bem como ações gerenciais, que passam por mudanças no relacionamento entre líderes e subordinados, maior oportunidade de crescimento, redistribuição de tarefas, etc…

A importância do clima organizacional favorável na empresa é enorme. Essa, sem dúvida, deve ser uma das metas dos gestores modernos, que se preocupam com maior produtividade. A melhoria do ambiente de trabalho é uma via de mão dupla, que beneficia tanto o empregador quanto o empregado, reduz a rotatividade de funcionários e otimiza processos.

Gostou do post? Agora, que tal começar a avaliar o clima organizacional na sua empresa? Ainda tem alguma dúvida? Então fale conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *